Quarta, 20 de Outubro de 2021
(75) 99168-0053
Anúncio
Brasil Dia das Crianças

Dia das Crianças: 90% dos brinquedos em todo mundo são feitos de plástico, aponta estudo

Estudo feito pelo Grupo de Estudos e Pesquisa em Química Verde, Sustentabilidade e Educação (GPQV)

12/10/2021 06h24
Por: Ana Meire Fonte: Conectado News
Foto Reprodução
Foto Reprodução

 

O Dia das Crianças, comemorado no Brasil no dia 12 de Outubro, junto com o feriado de Nossa Senhora Aparecida, impulsiona a produção e o consumo de plástico. Isso porque 90% dos brinquedos em todo mundo são feitos de plástico, afirma um estudo feito pelo Grupo de Estudos e Pesquisa em Química Verde, Sustentabilidade e Educação (GPQV), da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), a pedido do Criança e Consumo. 

O estudo “Infância plastificada” estima que entre 2018 e 2030 serão produzidos 1,38 milhão de toneladas de brinquedos de plástico no Brasil. A pesquisa indica ainda que muitos desses materiais plásticos usados nos brinquedos podem conter substâncias tóxicas que causam de câncer a doenças hormonais.

A poluição plástica é considerada um dos mais graves componentes da crise climática global pela qual estamos passando. O consumo de plástico, turbinado em datas festivas, como o Dia das Crianças e o Natal, está roubando ironicamente o futuro dos mais jovens que ganham esses presentinhos. 

E não adianta comprar coisas de plástico achando que tudo será reciclado. Brinquedos de plástico têm baixa probabilidade de serem reciclados no Brasil, sobretudo por conta da mistura de diversos materiais plásticos distintos e que só podem ser separados por caros processos industriais. E não é só o brinquedo de plástico em si - as embalagens são parte do problema. 

Uma ideia

Já pensou em trocar o tradicional presente de plástico por uma experiência nova na vida da criança, como fazer uma trilha por uma região de floresta, um parque ou uma região litorânea? Nosso país é cheio de cachoeiras, rios, montanhas e chapadas, e um passeio em família por essas áreas pode ser muito mais marcante na memória infantil do que brinquedos da moda que quebram rápido. 

Essa atitude ensina as crianças que nem sempre é preciso comprar algo para presentear alguém. E combater o consumismo entre os pequenos é fundamental para o futuro deles mesmos - se eles copiarem o padrão de consumo da geração de seus pais, não há chance de um mundo saudável no futuro. 

Cuidado

Além de presentear as crianças de um jeito diferente, é preciso proteger os mais jovens da publicidade. Segundo a pesquisa da UFSCar, o setor de brinquedos é um dos que mais faz publicidade infantil - respondem por 71% das publicidades dirigidas a crianças na TV paga em monitoramento feito em 2019, especialmente nos dias que antecedem o Dia das Crianças e o Natal.

Atualmente há movimentos de estímulo à cultura de troca de brinquedos. Como os pequenos crescem rápido, enjoam facilmente de brinquedos e brincadeiras específicas para cada idade. Mas o brinquedo que não tem mais graça para uma criança pode ser trocado por outro que ela pode adorar. 

E se você gostaria de que suas crianças entendessem toda essa discussão sobre plástico, aqui vai uma dica de presente: o livro - O Plástico: O Livro Dos Porquês explica por que tem tanto plástico no mundo e como isso se relaciona ao aquecimento global, com ilustrações divertidas e definições claras e objetivas. 

 

 

Fonte Clima Tempo

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.