Sábado, 20 de Julho de 2024
(75) 99168-0053
Política Eleições 2024

Vice governador diz que Colbert poderá ser penalizado pelo MDB por falas discordantes; Entenda

O prefeito de Feira de Santana Colbert Martins da Silva, discorda de acordo entre MDB e PT na Bahia

11/02/2024 17h07 Atualizada há 5 meses
Por: Hely Beltrão Fonte: Conectado News
Luiz Santos
Luiz Santos

A insatisfação do prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho (MDB), aliado assumido do ex prefeito José Ronaldo de Carvaho (UB), após seu partido fechar apoio com o (PT) no dia 17 de janeiro, não é nenhuma novidade. Colbert tem repetido por diversas vezes, inclusive em entrevista ao Programa Levante a Voz, que não concorda em dar a "cabeça do partido numa bandeja" com o propósito de uma aliança política com o PT e após visita a Brasília para buscar investimentos para Feira de Santana, disse ter conversado com caciques de outros partidos, sinalizando a possibilidade de deixar o partido.

Relembre: Lúcio Vieira Lima diz que Colbert Martins não tem peso e está divulgando fake news

Em entrevista concedida ao Conectado News após coletiva que divulgou um balanço parcial das ações do governo do Estado para o Carnaval 2024 na manhã deste domingo (11), o vice governador, pré candidato à Prefeitura de Salvador e coordenador do Carnaval pelo governo do Estado, Geraldo Jr. (MDB), ao ser indagado a respeito da insatifação de Colbert Martins, disse que o prefeito deve direcionar suas declarações aos diretórios estadual e nacional do partido e que ele poderá sofrer penalidades.

"Colbert Martins ainda é prefeito de Feira de Santana, por isso, ele tem que se dirigir a Executiva nacional do nosso partido, temos um vice-governador da Bahia do MDB, o presidente estadual Alex Futuca e o presidente de honra Lúcio Vieira Lima, então, qualquer fala em relação ao nosso partido ele terá que se direcionar e entender que as ações do nosso partido devem ser seguidas e submetidas aos diretórios nacional e estadual que aplicará qualquer tipo de penalidade a quem discorrer a respeito de qualquer fala sobre orientação nossa", disse.

Sobre a Micareta de Feira, Geraldo afirmou que também estará na coordenação e diz que fará a melhor Micareta da história.

"Ano passado também coordenamos a Micareta de Feira de Santana, o governador já nos designou para 2024, com certeza será a Micareta que vai ficar na história. Um integrante da imprensa feirense me disse que ficou marcado em 2023, quando optamos por estar na pipoca ao invés dos trios e camarotes e repetiremos a dose esse ano". 

Na política, o vice governador disse que separa muito bem sua pré candidatura de suas funções como vice governador.

"Sabemos destacar bem isso, são dois pontos diferentes mas que terminam convergindo, um é a pretensão como pré-candidato a prefeito de Salvador e a outra continuar governando na capital, Região Metropolitana e no interior do Estado ao lado do governador Jerônimo Rodrigues (PT), dividimos bem o tempo para isso. Respeitando os adversários, vamos ganhar, disputar a eleição em Salvador, a nossa base de sustentação tanto no Governo do Estado, se governando a cidade vou precisar de um interlocutor político na Câmara de Vereadores a exemplo do vereador Joceval Rodrigues (Cidadania)".

Reportagem: Luiz Santos e Hely Beltrão

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.