Sábado, 25 de Maio de 2024
(75) 99168-0053
Feira de Santana Justiça

Audiência no Tribunal de Justiça da Bahia Discute Devolução de Salários Cortados dos Professores

Nova sessão marcada para junho, onde o Município apresentará cálculos dos valores devidos aos docentes.

16/05/2024 10h59
Por: Heber Araujo
Conectado News
Conectado News

Na manhã desta quarta-feira, 15, foi realizada uma audiência de conciliação no Tribunal de Justiça do Estado da Bahia para discutir a devolução dos salários cortados pelo governo municipal durante a pandemia. O processo, que visa à execução da sentença favorável aos docentes, foi presidido pelo Desembargador Raimundo Cafezeiro.

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação (APLB) organizou uma caravana para Salvador, permitindo que os professores afetados acompanhassem a audiência. Participaram da sessão a diretoria da APLB Feira, os professores com salários cortados, a Assessoria Jurídica do Sindicato, a Secretária de Educação do Município, Anaci Paim, e a Assessoria Jurídica do Município.

Durante a audiência, a APLB apresentou seus cálculos, que somam 44 milhões de reais, citando a jurisprudência atual do STJ que permite o bloqueio desses valores. Ficou decidido que uma nova audiência de conciliação será realizada no dia 11 de junho, às 9h, no gabinete do Desembargador. Nessa ocasião, o Município deverá apresentar seus próprios cálculos sobre os valores devidos aos professores da Rede Municipal.

 

Equipe Conectado News

1 comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Dandraade Há 1 semana Feira de SantanaPelo que trabalham os professores em feira, só greve nas quinta e sexta para fazerm feriadão todo mês, acho que deveriam era restituir ainda mais os cofres públicos para compensar!!
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.