Sábado, 25 de Maio de 2024
(75) 99168-0053
Esportes Bahia

Bahia vence o Bragantino fora de casa

O tabu de nunca ter perdido para o Bragantino como mandante foi mantido pelo Bahia

12/05/2024 20h46
Por: Ana Meire Fonte: Conectado News
 Crédito: Tiago Caldas /EC Bahia
Crédito: Tiago Caldas /EC Bahia

O tabu de nunca ter perdido para o Bragantino como mandante foi mantido pelo Bahia. Na noite deste domingo (12), o tricolor fez um bom primeiro tempo e venceu o time paulista por 1x0, resultado que garantiu o Esquadrão na vice-liderança do Brasileirão. O time está empatado em pontos com o Athletico-PR, mas é superado no saldo de gols (6 contra 3).
O triunfo baiano foi construído no primeiro tempo. Thaciano, em boa articulação com Everton Ribeiro e Cauly, deu belo giro no marcador e anotou um golaço na Fonte Nova. O Bahia ainda marcou outros dois gols que foram anulados por impedimento. No fim, a vitória deixou a equipe com 13 pontos.
De quebra, o Bahia ainda manteve a invencibilidade em casa em 2024, e impôs a primeira derrota do Red Bull no Campeonato Brasileiro. O time paulista caiu para a sétima colocação. O próximo compromisso do Esquadrão na competição será contra o Atlético-MG, no domingo (19), na MRV Arena.
O JOGO
Por conta da vitória do Athletico-PR sobre o Palmeiras, o Bahia entrou em campo precisando vencer por pelo menos cinco gols de diferença para assumir a liderança do Brasileirão. O técnico Rogério optou por não mexer na equipe e repetiu a escalação pelo quarto jogo consecutivo.
Antes da partida, os jogadores usaram uma camisa pedindo doações para as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul. Quando a bola rolou, o Bahia tentou assumir o protagonismo a partir da posse de bola. No seu estilo característico, o tricolor ocupou bem os espaços e articulava o meio-campo para conseguir quebrar a marcação do Red Bull.
O Esquadrão ensaiou um bom momento logo aos 10 minutos. Everton Ribeiro fez um lindo cruzamento, Thaciano subiu entre os zagueiros e mandou para as redes, mas a arbitragem marcou impedimento e o gol foi anulado.
Apesar do domínio no meio-campo, o Bahia precisava ficar atento na marcação. Aos poucos, o Bragantino começou a achar espaços, principalmente pelas laterais. O chute de Lucas Evangelista levou perigo.
A partida então ficou aberta, com chances para os dois lados. A bola cruzada pela direita passou por Cauly dentro da área e chegou para Thaciano, mas o meia furou e perdeu uma grande chance. Mas a insistência do time baiano deu certo.
Aos 36 minutos, Everton Ribeiro puxou o contra-ataque e deu belo lançamento para Cauly. O meia cruzou rasteiro para Thaciano, que deu um lindo giro para se livrar da marcação de Nathan Mendes e com um toque sutil abriu o placar para o Bahia. Um golaço na Fonte Nova.
No segundo tempo, o Bahia viu o Red Bull impor o seu jogo nos primeiros minutos. O time paulista passou a marcar a saída do Esquadrão e incomodar no ataque. Porém, bastava o tricolor colocar a bola no chão que as boas chances apareciam. Aos oito minutos, Cauly achou Jean Lucas na área, o camisa 6 tocou na saída do goleiro, mas a arbitragem marcou impedimento e anulou mais um gol.
Com o controle do jogo retomado pelo Bahia, o duelo ficou desenhado entre um time que tinha a posse e tentava furar a marcação adversária contra outro que explorava o contra-ataque. Rogério Ceni então fez a primeira mudança e colocou Biel no lugar de Everaldo.
O Bahia baixou as linhas em parte do segundo tempo e os papeis se inverteram. O Bragantino chegou a balançar as redes, com o zagueiro Pedro Henrique, mas o impedimento foi marcado.
Já o Bahia teve a chance do segundo no rápido contra-ataque. Biel recebeu em boa condição, mas se atrapalhou na hora de dominar a bola e foi desarmado dentro da área.
Na reta final, o tricolor foi pressionado e Marcos Felipe fez boa defesa para impedir o empate. Mas o tricolor se defendeu bem e comemorou o triunfo após o apito final.

 

 

Fonte Correio

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.